5 de jan de 2010

Solidariedade cidadã... Ainda que tardia!

Falar em solidariedade em pleno início de ano, além de "auspicioso" se torna neste momento algo que "falacioso" diante de uma credibilidade "esburacada" e "dengosa" em virtude dos constantes "atropelos" administrativos testemunhados pela fé pública. Buscar a ajuda cidadã é uma importante estratégia democrática, porém um pouco tarde, mas não totalmente ineficaz nesta altura do campeonato. Já se diz que a "esperança é última que morre" e ao certo o governo local entende muito bem essa máxima, pois apenas "promete consertar", mas continua sempre igual. Portanto, não basta ser um prefeito líder, mas precisa ser um líder prefeito.


Dr. Allan Marcio - Colaborador