27 de jan de 2010

O pior cego, é aquele que não quer enxergar!

Existem realidades na vida pública que leva muito tempo para se entender. A blindagem inútil de autoridades sobre o que se passa do outro lado do "paço municipal" frente às necessidades sociais; a insensatez daqueles que lutam pelo poder sem saber o preço que irão pagar; amigos que se digladiam por personalidades políticas que no primeiro momento os esquecem; alfinetadas no "ar para defender aquilo que é reprovável perante a população. Em Provérbios, 6:23 instrui-nos o "Porque do mandamento ser uma lâmpada, e a instrução uma luz; e as repreensões da disciplina são o caminho da vida". Neste contexto, a sensatez permite "abrir-nos os olhos", ainda que tardiamente, para podermos "enxergar", além dos egos e interesses de pessoas ou grupos, aqueles cidadões que esqueceram de colocar em prática os verdadeiros ensinamentos cívicos da vida em comunidade. Portanto, o "pior cego" é aquele que não deixa os outros verem a verdade como ela é.

Dr. Allan Marcio - Colaborador