8 de jan de 2010

Águas passadas não movem moinhos...

Aprender com o passado é ser sábio, culpá-lo sempre pelos fracassos atuais é insensatez. Se tivermos que melhorar o futuro, primeiro temos que aprimorar nossa habilidade de interpretar a realidade. Segundo, se houve erros e acertos, eles são e serão matérias-primas úteis na reformulação de novos planos de ações para melhorar a situação sarandiense e não utilizados de forma tendenciosa como "justificativas" infindáveis por "vazios de competências". Portanto, Sarandi não precisa disso, se temos que desenvolver um município não basta ficar "culpabilizando", além de não ser uma solução prudente, tipifica retrocesso no lema "cidade para todos".



Dr. Allan Marcio - Colaborador