17 de ago de 2009

Nota de esclarecimento da Blogosfera de Sarandi...


A função social da “Blogosfera Sarandiense” está em apoiar iniciativas locais centradas no fortalecimento das pouco ouvidas “vozes da população” através de ações virtuais e reais que possibilitem a reformatação de uma “nova identidade” ao seu excluído povo.

Estas ações integradas e articuladas com a verdade cotidiana ocorrida na comunidade sarandiense permitirá a reabertura de um canal de comunicação que se fortalecerá na isenção e independência da informação, visando rediscutir o significado da democracia participativa a partir de seus cidadãos/ãs ou moradores possibilitando, assim, o debate dos problemas da sociedade e permitindo, também, sua tematização, bem como uma tomada de posição dos munícipes com mais transparência e publicidade de forma apartidária rumo ao encaminhamento de soluções de seus problemas comunitários às autoridades legalmente constituídas.

A intenção dos “Blogueiros por Sarandi”, não só de blogueiros, mas de toda sociedade organizada ou meios de comunicação (TV, Imprensa, Rádios, etc) que compartilham do mesmo ideal está pautada na busca incansável de repaginar-mos a “imagem negativa e segregadora” da nossa cidade no contexto da Região Metropolitana de Maringá, tristemente veiculado por outros organismos de comunicação social com mais poder de abrangência e profundidade que, certamente, não condizem com a real realidade que nossos munícipes congregam e nobremente prosperam, enquanto moradores e cidadãos.

Portanto, estamos mobilizados sim, em querer resgatar nossa cidade do passado de exclusão e da estigmatizada “cidade dormitório” no sentido de provocarmos, integradamente e articuladamente, um amplo debate contínuo da cidade com a cidade para que possamos envolver todos os setores da sociedade organizada e comunidades bairristas para, finalmente, estarmos recolocando Sarandi no seu lugar de direito e de fato. Pois o que almejamos é DIREITOS e RESPEITO enquanto cidadões constituídos para que possamos ofertar uma amanhã melhor e mais inclusivo às futuras gerações para que possam desfrutar de uma Sarandi de todos, para todos.